Subscribe Now: standard

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Fusilli al mare

Ingredientes

1/2 pacote de fusilli, talharim ou outro macarrão de sua preferência

molho de tomates

500Kg de camarões cinza

sal e pimenta a gosto

azeitona picada

azeite

queijo parmezon

Coloque o macarrão para cozinhar em água com sal e um fio de óleo, numa panela grande. Reserve o macarrão depois de cozido.

Pegue os camarões já limpos e tempere com sal e pimenta. Em uma frigideira acrescente um pouco de azeite e deite os camarões até que fiquem rosados, algo em torno de 4 minutos. O camarão não pode cozinhar muito, pois fica duro.

Faça um molho de tomates de sua preferência e acrescente junto com os camarões e as azeitonas.

Numa travessa coloque o macarrão, já misturado no molho e acrescente queijo parmezon ralado por cima. Forno quente somente para aquecer a massa e derreter o parmezon.


quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Callista Jenkinsii




Pizza da Tia Aida

Primeiro quero me retratar pelo enorme tempo que não faço uma postagem, preciso confessar que é um misto de preguiça com muito trabalho atrasado. Continuo cozinhando, mais sem tempo de fotografar e postar, pois entendo que isso deve ser feito com calma e amor.

Bem vamos a receita. Existem fatos marcantes em nossas vidas, principalmente na infância. Minha Tia Aida é uma dessas lembranças marcantes, ela era uma senhora baixinha e gordinha, que fazia bolos e pizzas, ela era boleira.
Lembro de vários bolos de aniversários feitos pela Tia; e as pizzas aos domingos, quando íamos até a casa dela.
Tenho que confessar que meu forte não são massas de pão nem pizza, já tentei várias receitas e não consigo me acertar com elas, somente a receita de pizza da Tia dá certo, parece uma maldição familiar, ou quem sabe uma bênção, pois a massa dessa pizza é macia e nunca dá errado.
Ingredientes
1/2 k de farinha de trigo
1 c. sobr. açucar e sal
2 c. sopa de óleo
1 c. sopa de claybom
50 grs fermento tablete fresco

Desmanchar o fermento em 1 copo de leite morno, caso você use fermento fresco. Colocar a farinha, o açúcar e o sal em uma superfície lisa, formando um montinho; fazer um buraco no meio e acrescentar o óleo, a manteiga e o fermento e ir sovando, até a massa soltar da mão.
Quando a massa estiver fofa e soltando das mãos, estará pronta, digo que esta massa não precisa sovar muito. Após colocar em um recipiente no qual a massa possa dobrar de tamanho e deixar crescer em um local quente e úmido. Eu costumo colocar no forno com a luz acesa e um pano de prato por cima do recipiente.
Quando dobrar de tamanho, dê um soco na massa para tirar o ar e moldar para colocar na forma. Esta massa rende dois discos grandes de pizza. Colocar na forma e deixar mais uns 15 minutos antes de colocar no forno. Na hora de colocar no forno, furar com um garfo a massa em alguns lugares aleatoriamente e pré-cozer a massa em forno à 200°C. Quando a massa estiver pré-cozida colocar a cobertura, que pode ser qualquer ingrediente a seu gosto. Esta pizza eu fiz metade calabreza e metade abobrinha com tomates.
Graças a Tia Aida posso fazer pizza em casa. E no céu todos devem estar se refastelando com pizza e bolo. Fique em paz titia.